quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Primeiro Amor

Certa vez, um amigo profeta me disse: "Deus te ama muito, mas não pense que ele te ama mais do que alguém aqui desta sala. Ele os ama igualmente". Sim ainda existem profetas que tem uma ligação direta com Deus, mas também existem os falsos profetas. Como discerni-los? Isso é muito mais complexo e prefiro abordar este assunto em outro post.

Voltando a história, eu e um grupo de amigos estávamos buscando a presença de Deus em uma sala quando esse fato ocorreu. E comecei a pensar: "Como pode existir este tipo de amor? Um amor puro e sem preferências? Um amor intenso que ama igualmente seus filhos e dá atenção individualmente?" A resposta é que todos querem compreender a pessoa de Deus com a visão humana. Deus não é humano para que possamos entendê-lo dessa forma. Ele é Deus e sempre será Deus. O que torna a nossa compreensão pela pessoa Dele impossível.


Hoje o homem se foca muito no amor de um homem com uma mulher ou podemos chamar em geral de amor conjugal. Mas existiu antes disso um primeiro amor. O primeiro amor foi o que Deus teve por nós antes mesmo de nós criar e o amor que tivemos por ele. Penso que Adão sabia que ele era Dele. Depois Deus decidiu criar a mulher para que ele não se sentisse só. Então surgiu o amor entre o homem e a mulher que foi dado por Deus. Analisando sobre esse ângulo podemos ver o tanto que nossa sociedade hoje ilude as pessoas. Desviando do maior e melhor amor. Tentando nos fazer acreditar que o segundo amor é melhor e maior que o primeiro que existiu.

Então nos perguntamos: O que faremos? Qual caminho é o correto a seguir? No que devemos acreditar? Não precisamos de todas as repostas. A verdade é que não teremos todas as respostas. O que precisamos é simplesmente aceitar que existem coisas tão maiores que nós que nunca compreenderemos. E que o amor de Deus e a Sua pessoa são exemplos disso. Não precisamos compreender. Precisamos aceitar e amar. Simplesmente amar. E conhecer esse amor tão pouco falado e que sempre será maior que tudo
.

8 comentários:

  1. Olá,
    Adorei o texto, nos faz refletir bastante!
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. "A verdade é que não teremos todas as respostas. O que precisamos é simplesmente aceitar que existem coisas tão maiores que nós que nunca compreenderemos." Adorei! Bem assim, acho que hoje o que mais acontece é ver pessoas esquecendo os primeiros valores :(
    Bjo!

    www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz q tenha gostado. Precisamos mesmo de um resgate de valores.
      Bjo

      Excluir
  3. Nice post dear!
    You are right , we can't always get answers to all questions
    I'm following you , kindly follow back
    http://dimplekhadi.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Thank you dear ^^^
    I'm following you too.
    Kisses

    ResponderExcluir
  5. Que texto bem construído, Kelen! E é verdade, hoje em dia quando se fala amor você já relaciona o de mulher com homem, mas há amores muito além disso, de família, amizade, etc

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "Um Caso Perdido", vem conferir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Carol!
      Fico feliz que tenha curtido ^^

      Bjos

      Excluir

♥ Theme por Erica Pires © 2013 • Powered by Blogger • Todos os direitos reservados • Melhor Visualizado no Google Chrome • Topo